Manejo dos leitões ao chegar na maternidade

 

O colostro é a primeira vacina do recém-nascido. É necessário que a leitegada beba uma quantidade razoável de colostro para garantir um futuro saudável livre de doenças. Através do colostro, os leitões recebem uma série de anticorpos maternos.



Assim que a porca liberar o leite, os leitões devem ser encaminhados para mamar e, ao final, devem aprender a seguir em direção ao clipe, local onde encontram conforto térmico necessário. Dessa forma, evita-se a ocorrência de esmagamentos e organizamos a mamada para que todos os leitões mamem.



É preciso montar um escalonamento para funcionários, sobretudo nas primeiras 48 horas, para garantir que os leitões mamem sem competição e que sejam treinados a retornar ao clipe após cada mamada.



Para se iniciar a desmama, os leitões são retirados da baia da maternidade para longe da mãe. Esses leitões serão transferidos para a creche, de preferência em um horário mais tranquilo do dia para não causar estresse.



Quando o leitão não recebe o aleitamento adequado, seu desempenho poderá ficar comprometido nas fases seguintes do desenvolvimento. Portanto, o manejo aplicado à maternidade envolve cuidados ambientais, sanitários e alimentares diferenciados.



Gostou dessa matéria? Quer saber mais sobre o curso CPT? Assista ao vídeo abaixo: 

  

Conheça os Cursos CPT da área Suinocultura

Por Anna Luiza Mariquito

Mais Artigos Relacionados

Critérios para sistema de aleitamento de bezerros

Existem diferentes formas de fornecimento do leite para as bezerras, os quais podem ser classificadas em dois grandes grupos: aleitamento artificial e aleitamento natural.

Recria de cordeiros

Nessa fase, os animais iniciam o consumo de alimentos sólidos. O objetivo da recria é melhorar a condição corporal dos animais para a reprodução, de acordo com a finalidade da criação.

Por que é tão importante que a vaca leiteira tenha conforto

O bem estar e a produtividade animal podem ser colocados em situação de risco devido a ação dos fatores ambientais que influenciam o comportamento animal.